Senac
 
Fecomercio
Rio de Janeiro

Notícias

“O Topo da Montanha” no Teatro Sesc Ginástico

Peça estrelada e produzida por Lázaro Ramos e Taís Araújo que reinventa o último dia de Martin Luther King fica em cartaz de 20 de janeiro a 19 de fevereiro


publicado em 03-01-17

imprimir

Depois do sucesso em São Paulo, onde estreou há pouco mais de um ano, a peça “O Topo da Montanha”, com Lázaro Ramos e Taís Araújo, chega ao Rio de Janeiro, no Teatro Sesc Ginástico, em estreia para convidados no dia 20/1/17. Muito elogiada pela crítica, a montagem já alcançou a marca de 50 mil espectadores e foi reconhecida com a indicação ao Prêmio Shellde melhor atriz para Taís Araújo. O público pode assistir ao espetáculo de 21/1 a 19/2, com ingressos que variam de R$ 6 (para Associados Sesc)a R$ 25. A classificação é 12 anos.

“O Topo da Montanha”estreou em Londres, em 2009, e ganhou versão na Broadway, em 2011. No Brasil, a peça é protagonizada e produzida por Lázaro Ramos e Taís Araújo, com direção de Lázaro Ramos e codireção de Fernando Philbert. Após temporada de quase um ano em São Paulo, a montagem já lotou teatros em Campinas, Curitiba, Belo Horizonte, Salvador e Ribeirão Preto.

A história relembra que, há quase cinquenta anos, no dia 4 de abril de 1968, o mundo se despedia de Martin Luther King Jr., o pastor protestante e ativista político que se tornou ícone por sua luta pelo amor ao próximo e pelo repúdio à segregação racial norte-americana. É este o momento histórico que a jovem dramaturga Katori Hall desconstruiu em sua obra fictícia.

O título do espetáculo faz alusão ao último grande discurso de Martin Luther King Jr. (“I’ve been to the mountaintop”), feito em Memphis, na Igreja de Mason, em 3 de abril de 1968. É exatamente neste cenário – um dia antes de seu assassinato na sacada do quarto 306 do Hotel Lorraine –que Luther King, interpretado por Lázaro Ramos, conhece Camae, vivida por Taís Araújo, a misteriosa e bela camareira que está em seu primeiro dia de trabalho no estabelecimento. Repleta de segredos, ela confronta o líder em clima que mistura suspense e deboche.Num perfeito jogo de provocações, Camae faz com que o reverendo se lembre de que, como todos, é humano.

– Este texto me perseguiu como ator por dois anos, por meio de pessoas que diziam que tinha de fazê-lo no Brasil. E é contemporâneo porque também é uma história sobre enfrentar medos. Sobre os trilhos da coragem e do afeto – resume Lázaro.

– Tínhamos muito receio de que o texto fosse americano demais e não tocasse as pessoas. Mas o tempo e uma boa tradução nos convenceram que as questões do amor e da igualdade são relevantes e próximas a todos nós – complementa Taís.

Serviço:
O Topo da Montanha

Estreia: 20/01/2017 (sexta-feira), às 19h.
De 21/1/2017 a 19/02/2017, sextas e sábados às 19h e domingos às 18h.
Teatro Sesc Ginástico (513 lugares): Av. Graça Aranha, 187, Centro. Tel.: (21) 2279-4027.
Ingressos: R$6 (Associados Sesc), R$ 12 (para jovens até 21 anos, estudantes e maiores de 60 anos) e R$ 25 (inteira).
Bilheteria: de terça-feira a domingo, das 13h às 20h.
Aceita cartões de débito e crédito.
Os ingressos serão gratuitos para o público inscrito no PCG – Programa de Comprometimento e Gratuidade.
Classificação: 12 anos.