Senac
 
Fecomercio
Rio de Janeiro

Arte Sesc

Notícias

Sistema Fecomércio RJ ilumina Casarão Figner no Outubro Rosa

Construção eclética de 1912, no Flamengo, recebe iluminação na cor rosa para conscientizar sobre a importância do diagnóstico precoce do câncer de mama


publicado em 28-09-18

imprimir

Durante todo o mês de outubro, a fachada do Casarão Figner, no Flamengo, recebe iluminação especial. A ação do Sistema Fecomércio RJ, por meio do Senac RJ e do Sesc RJ, faz parte da celebração do Outubro Rosa, dedicado à conscientização sobre a importância do diagnóstico precoce do câncer de mama. O objetivo é que o Casarão, imóvel de importância histórica, se transforme também, neste mês, em um grande símbolo da campanha. 

O câncer de mama é o segundo tipo mais frequente da doença em todo o mundo e o mais comum entre as mulheres, de acordo com o INCA (Instituto Nacional de Câncer). Para que os primeiros sinais sejam detectados, a mulher deve fazer a mamografia (ou ultrasonografia mamária) regularmente. No Brasil, a recomendação do Ministério da Saúde - assim como a da Organização Mundial da Saúde e a de outros países - é a realização da mamografia de rastreamento (quando não há sinais nem sintomas) em mulheres de 50 a 69 anos, uma vez a cada dois anos. E atenção, o autoexame continua sendo um importante instrumento para que a mulher conheça seu próprio corpo e acompanhe as mudanças, mas não é suficiente para que a doença seja detectada precocemente.

Confira aqui outras dicas sobre saúde da mulher com o gerente de saúde do Sesc RJ, Flávio Wittlin.

ORIGEM DA CAMPANHA - A série de campanhas de conscientização nasceu nos Estados Unidos, na década de 1990, com a finalidade de estimular a participação e conscientizar a população sobre o controle da doença. O símbolo da prevenção ao câncer de mama, o laço cor-de-rosa, foi lançado pela Fundação Susan G. Komen for the Cure, na mesma época de surgimento da campanha, e distribuído aos participantes da primeira Corrida pela Cura, realizada em Nova York (EUA) e, desde então, promovida anualmente.

O Casarão Figner é uma construção de 1912, com arquitetura eclética. A mansão foi a antiga moradia de Frederico Figner, empresário que inaugurou as Casas Edison e trouxe para o Brasil os primeiros equipamentos de som e luz, como fonógrafos, gramofones e instrumentos de projeção de filmes. Tombada em 1995, a mansão foi reformada pelo Sesc RJ e transformada na unidade Arte Sesc, que abriga exposições temporárias e eventos. Nos fundos do terreno fica o edifício-sede do Sistema Fecomércio RJ.

Acesse o site do INCA e informe-se sobre o câncer de mama