Senac
 
Fecomercio
Rio de Janeiro

Notícias

Sesc RJ é superado pelo Cruzeiro na Superliga masculina de vôlei

Equipe carioca sucumbiu diante do forte saque dos donos da casa, na noite desta quarta-feira


publicado em 28-11-19

imprimir

O Sesc RJ enfrentou o Sada Cruzeiro nesta quarta-feira (27.11), fora de casa, e foi superado por 3 sets a 0, parciais de 25-17, 25-21 e 25-20. Com um alto número de erros, a equipe do técnico Giovane Gávio não conseguiu um bom aproveitamento na recepção, o que dificultou bastante a sua virada de bola.

O Sesc RJ iniciou a partida com seu sexteto titular em quadra, Marlon, Wallace, Maurício Borges, Martinez, Gustavão, Flávio e os líberos Alexandre Elias e Tiago Brendle. Nas duas primeiras parciais, o Sesc RJ saiu atrás do placar e sofreu com a pressão do saque cruzeirense, que aproveitou para pontuar no bloqueio e contra-ataque. Já o terceiro set foi o mais equilibrado. O time carioca conseguiu abrir vantagem até o 14º ponto, quando novamente o saque fez a diferença e ajudou o Cruzeiro a empatar, se distanciar no placar e fechar a partida em 3 sets a 0.

“Nós jogamos de uma forma que não condiz com o nosso jogo. Vamos rever essa partida, ver o que estamos conseguindo colocar em prática e o que não está funcionando. Precisamos buscar o caminho da vitória. Nosso saque hoje não entrou e precisamos fazer com que isso aconteça melhor, porque facilita muitas coisas. A gente precisa melhorar e vamos trabalhar para isso”, disse Mauricio Borges.

A próxima partida do Sesc RJ será contra o Minas, também fora de casa, no próximo sábado (30), às 21h30, com transmissão do SporTV.

Fotos: Agência i7/Sada Cruzeiro

Mesa Brasil Sesc RJ

Os jogos das equipes feminina e masculina de vôlei do Sesc RJ disputados no Rio de Janeiro têm como entrada 2kg de alimentos não perecíveis, destinados ao ‘Mesa Brasil Sesc RJ’, programa social do Sesc RJ que visa a minimizar os efeitos da fome e do desperdício. Criado em 2000, o Mesa Brasil Sesc, no estado do Rio de Janeiro, recolhe doações de produtos alimentícios em condições de consumo, ainda que eventualmente com baixo valor comercial, e os distribui a instituições de assistência social previamente cadastradas, como asilos, creches, orfanatos, entre outras instituições. O programa atende no estado do Rio de Janeiro a mais de 850 instituições sociais, tendo uma abrangência superior a 90% dos municípios fluminenses. Além das doações, as entidades também recebem mensalmente ações educativas com o objetivo de ensinar o aproveitamento integral de alimentos, com a utilização de cascas, sementes e talos, na elaboração de receitas nutritivas e saborosas.

Os alimentos podem ser trocados por ingressos com antecedência nas unidades do Sesc RJ e em dias de jogos nas bilheterias do Ginásio Álvaro Vieira Lima (Tijuca Tênis Clube), sempre duas horas antes do início das partidas.