Sesc RJ enfrenta o Fluminense em clássico carioca pela Superliga feminina de vôlei

Com 32 pontos, o Sesc RJ lidera a Superliga feminina de vôlei. E para seguir na ponta da tabela de classificação, o time comandado pelo técnico Bernardinho precisa de um bom resultado no clássico carioca desta sexta-feira (24.01). Terá pela frente o Fluminense, às 20h, no ginásio da Hebraica, e sabe que precisará suar muito a camisa. Afinal, nas duas vezes em que encarou o Tricolor nesta temporada (uma pelo primeiro turno da Superliga e outra pelo Carioca), venceu por 3-1, com parciais bem apertadas.

Vivendo a maratona de jogos do início de ano, o Sesc RJ encarou o Pinheiros, pela Copa Brasil, na última terça. E além de cansaço, os cinco sets do confronto serviu como alerta e preparação para o clássico desta sexta. Até porque o adversário vem embalado, com seis vitórias seguidas na Superliga.

“A Superliga segue firme, o Fluminense cresceu, conseguiu boas atuações, vem de muitas vitórias seguidas e nós viemos de um jogo onde erramos muito. Temos que melhorar, tivemos poucos dias para organizar, mas vamos buscar, na força do conjunto fazer mais uma vez a diferença”, alertou a experiente levantadora Fabíola.

Dona da segunda melhor média de pontos por set da Superliga (5,13), a oposta do Sesc RJ Tandara também enxerga o duelo da última terça como um treino e aponta a paciência novamente como o caminho para um triunfo.

“O Fluminense é outro time que defende bastante, que é bem ‘jogueiro’. Vamos, novamente, ter que ter bastante paciência. Nesse pouco tempo que tivemos entre as partidas, trabalhamos bem para consertar tudo o que erramos e para que chegue na hora e dê tudo certo”, finalizou Tandara.

Transmissão ao vivo
O confronto entre Sesc RJ e Fluminense terá transmissão do Canal Vôlei Brasil através do Pay Per View. Os torcedores do Sesc RJ que queiram fazer a assinatura de um plano terão 10% de desconto ao usarem o cupom sescfeminino10 acessando pelo link: http://bit.ly/2WWS9qe.

Fotos: Marcio Mercante

Mesa Brasil Sesc RJ

Os jogos das equipes feminina e masculina de vôlei do Sesc RJ disputados no Rio de Janeiro têm como entrada 2kg de alimentos não perecíveis, destinados ao ‘Mesa Brasil Sesc RJ’, programa social do Sesc RJ que visa a minimizar os efeitos da fome e do desperdício. Criado em 2000, o Mesa Brasil Sesc, no estado do Rio de Janeiro, recolhe doações de produtos alimentícios em condições de consumo, ainda que eventualmente com baixo valor comercial, e os distribui a instituições de assistência social previamente cadastradas, como asilos, creches, orfanatos, entre outras instituições. O programa atende no estado do Rio de Janeiro a mais de 850 instituições sociais, tendo uma abrangência superior a 90% dos municípios fluminenses. Além das doações, as entidades também recebem mensalmente ações educativas com o objetivo de ensinar o aproveitamento integral de alimentos, com a utilização de cascas, sementes e talos, na elaboração de receitas nutritivas e saborosas.

Os alimentos podem ser trocados por ingressos com antecedência nas unidades do Sesc RJ e em dias de jogos nas bilheterias do Ginásio Álvaro Vieira Lima (Tijuca Tênis Clube), sempre duas horas antes do início das partidas.

Notícias relacionadas

Ver todas as notícias
Santa-Maria-Madalena

Você já ouviu falar dos Caminhos da Serra?

Veja mais

Mesa Brasil Sesc RJ distribui 16 toneladas de hambúrgueres em comunidades do Rio

Veja mais

Mesa Brasil Sesc RJ distribui 9 toneladas de alimentos

Veja mais
teatro-Amir Haddad

Amir Haddad por Aderbal Freire-Filho

Veja mais