O Corpo Negro

O Corpo Negro: Petrópolis é a próxima parada do Festival de Dança

Programação gratuita do festival O Corpo Negro inclui espetáculos de dança criados e executados por artistas negros, mostra audiovisual e oficinas. Evento vai acontecer de 9 a 19/5 no CCSQ.

O Centro Cultural Sesc Quitandinha (CCSQ), em Petrópolis, recebe, a partir desta quinta-feira (09/05), a programação do festival de dança O Corpo Negro. Realizado pelo Sesc RJ, o evento é um dos maiores do gênero no país, e chega à sua quarta edição com espetáculos criados e executados por artistas negros e negras, selecionados por um edital afirmativo. Além das performances de dança, o CCSQ vai receber a mostra de filmes do festival. As atrações são gratuitas e acontecerão também em espaços parceiros e urbanos.

A mostra audiovisual inicia a programação no CCSQ, com o filme “Othelo, o Grande”, que aborda a vida e obra de um dos maiores atores e comediantes do Brasil, que rompeu barreiras imagináveis para um ator negro na primeira metade do século XX, trabalhando com nomes incontornáveis do cinema mundial. A exibição vai acontecer nesta quinta-feira (9/5), no Café Concerto, às 19h.

As sessões de cinema continuarão na semana seguinte com os curtas para o público infantil “Idu – O Astronauta Masaai”, que narra as aventuras do personagem por mundos a partir de uma favela do Rio, e “Geração Alpha”, que apresenta Rebeca, uma menina apaixonada pela leitura que tenta convencer o vizinho e melhor amigo, Marcelo, a ler um livro. Os filmes serão exibidos nos dias 14, 15 e 16 de maio, às 11h, e 19 de maio, às 16h.

Também serão exibidos pela mostra os curtas “Um transe de dez milésimos de segundos” e “Corpos invisíveis”, no 14 de maio, às 15h, e “Você já tentou olhar nos meus olhos?” e “Uma tarde pra tirar retrato”, no dia 15 de maio, às 15h. No dia 16 de maio, serão exibidos em sequência “Égun”, “Ramal”, “Remendo”, “Escasso”, às 15h. A obra Sabotage: maestro do Canão encerra a mostra de filmes no CCSQ, no mesmo dia, às 18h.

Espaços parceiros também vão exibir filmes do festival. É o caso do Colégio Estadual Dom Pedro II, que vai apresentar os filmes “Você já tentou olhar nos meus olhos?” e “Uma tarde pra tirar retrato”, seguidos de debate, no dia 14 de maio, às 9h. No Centro de Cultura Raul de Leoni, os curtas “Égun”, “Ramal”, “Remendo”, “Escasso” serão apresentados no dia 16 de maio, às 18h. Confira as sinopses detalhadas em ocorponegro.com.br.

CCSQ vai receber 3 espetáculos de dança
Os espetáculos de dança vão começar, no Quitandinha, no dia 17 de maio, às 20h, com a performance “Originais do Charme na Área”, uma viagem pela trilha sonora e pelos passinhos clássicos dos bailes de charme dos anos 80 e 90. Os dançarinos, todos entre 40 e 60 anos, são os conhecidos cascudos. Eles trazem ao palco as pistas de dança e os sentimentos aflorados no embalo do suingue: sedução, romance, ciúme, raiva, amizade, tudo em meio às coreografias da época de ouro do charme. Algumas surpresas estão reservadas ao público, que deve se preparar para muita emoção.

No dia seguinte (18/5), tem mais dança com Romulo Galvão e Junior Melo, no espetáculo “Salomão”. A apresentação vai acontecer às 20h. Para a performance, Galvão acessou as memórias artísticas de um bairro para atuar com a sua subjetividade como bailarino na proposição de reanimar coisas valiosas do espaço. O tempo transforma, reforma, retorna e reanima. Nesse movimento dinâmico, as tradições sofrem com as transformações e remodelam-se com novas propostas.

No dia 19 de maio, às 16h, o espetáculo “Arruaça” será apresentado por Mayara Assis. É um exercício poético dançante e portátil, com o objetivo de impactar positivamente no fortalecimento da identidade cultural. A performance reúne memórias africanas e afro-indígenas em um bailado efervescente para plateias inquietas e ativas.

Dança na Rua Teresa e na Praça da Águia
Espaço públicos também receberão performances de dança. No dia 16 de maio, às 14h, na Rua Teresa, importante via do comércio local, vai receber o espetáculo “Debandada”, uma intervenção que atravessa e é atravessada pela rua. Seis dançarinos com suas potencialidades e diferenças passam, arrastam, sustentam, rabiscam e ocupam os espaços urbanos, convidando o público a dançar.

No mesmo dia, às 19h, na Praça da Águia, é vez de “Caminhos entrelaçados: herança de cores e espíritos”, coreografia desenvolvida por Felipe Laureano, que incorpora elementos contemporâneos das danças urbanas que abrangem movimentos fluidos e expressivos. O espetáculo é uma experiência que inspira a audiência a explorar e celebrar as diversas heranças que compõem nossa sociedade.

Oficinas de dança estão com inscrições abertas
O público ainda poderá participar da oficina “AfroUrbanidade: Conexões Culturais”, com Felipe Laureano, em que será abordado o house dance e hip hop dance. Os participantes terão a oportunidade de vivenciar uma experiência enriquecedora que une elementos da cultura urbana e da cultura afro-brasileira. As oficinas vão acontecer nos dias 14 e 15 de maio, às 19h. As inscrições devem ser feitas pelo formulário online encurtador.com.br/jsuwD.

O festival de dança O Corpo Negro iniciou no dia 28 de abril no Rio de Janeiro e vai passar por outras 8 cidades do estado. A programação se estenderá até 31 de maio em unidades do Sesc RJ, escolas e universidades e espaços públicos, que vão receber obras de 32 grupos, oriundos dos estados do Rio de Janeiro, da Bahia, Ceará, Espírito Santo, Goiás, Maranhão e São Paulo. Todas as atividades são gratuitas, com a retirada dos ingressos nos espaços com lotação limitada. Confira a programação detalhada no site ocorponegro.com.br.

“Nesta quarta edição, o projeto apresenta vogue, funk, afro, hip hop, samba, charme e outros gêneros. O Sesc RJ reafirma o seu compromisso com a pluralidade e com o protagonismo negro na dança, em todas as suas dimensões, diversidade e repertórios. Procuramos garantir políticas culturais com continuidade e consistência, visando possibilitar o crescimento de uma sociedade consciente e atuante, que busque relações étnico-raciais em bases justas e equânimes”, afirma André Gracindo, analista técnico de Artes Cênicas do Sesc RJ.

SERVIÇO:
Festival de dança O Corpo Negro no CCSQ
Data: 9/5 a 19/5
Centro Cultural Sesc Quitandinha (CCSQ)
Avenida Joaquim Rolla, 2 – Quitandinha, Petrópolis – RJ
Programação completa em ocorponegro.com.br
Inscrições para oficinas em encurtador.com.br/jsuwD
Visita à exposição: terças a domingos e feriados, das 10h às 17h
Entrada franca

Acompanhe nossas notícias também em nossas redes (YouTubeInstagram e Facebook) e fique por dentro das novidades do Sesc RJ.

Outras Notícias

Ver todas as notícias
CREI Sesc Senac

CREI Sesc Senac: Confira a lista das crianças e jovens com TEA e Síndrome de Down selecionados para atendimento gratuito

Veja mais
Festival Sesc de Outono

Festival Sesc de Outono acontece em Conceição de Macabu neste feriadão

Veja mais

Confira os vencedores da ação promocional do Camarote Sistema Fecomércio RJ

Veja mais
Maratona do Rio

Maratona do Rio: Sesc RJ leva shows do Samba que Elas Querem e do Bangalafumenga com Sandra Sá ao festival de corridas

Veja mais